Sobre a Gestalt

A Psicoterapia Gestalt é uma abordagem holística e organísmica que considera o ser humano na sua globalidade, integrando as suas dimensões físicas, psicológicas, sociais e espirituais, e que acredita na capacidade do organismo na direcção da sua auto-regulação.

Visa promover o bem-estar,  o crescimento pessoal e a melhoria sintomática, mas tem como particularidade o facto de se ter enriquecido de diferentes correntes teóricas, tendo como origens a psicanálise e a Psicologia da Gestalt, e como precursores as terapias psicocorporais de inspiração reichiana, o psicodrama, as correntes fenomenológicas e existenciais, e as filosofias orientais, como o Taoismo  e o Budismo Zen, entre outras.

Desse modo, combina e integra, de maneira original, um conjunto de métodos e técnicas variadas, verbais e não verbais, com o intuito não só de compreender ou de explicar as dificuldades, comportamentos ou sentimentos do individuo, mas também, e sobretudo, de favorecer a sua tomada de consciência do modo como funciona, dos seus medos e bloqueios, e de facilitar o desenvolvimento de processos criativos de adaptação ao meio.

 Esta tomada de consciência, o dar-se conta (ou a awareness, como também é designada)  é a metodologia por excelência da Terapia Gestalt,  e dirige-se quer  para o que se passa dentro como fora do indivíduo (no seu nível corporal, mental, emocional, bem como nas suas relações interpessoais e ambiente envolvente). O que  experimenta, o que pensa, a sua postura corporal, a respiração, como age, como se bloqueia, exprime-se em contexto clínico através da descrição e vivência subjectiva da sua realidade interior, abordada sempre no momento presente, no aqui e agora  do encontro terapêutico.

A Terapia Gestalt privilegia, pois, a experimentação como fonte de conhecimento, considerando que mais importante do que explicar é descrever. E o primado do como sobre o porquê.

O terapeuta gestáltico, fundamentalmente, é um facilitador que possibilita à pessoa descobrir por si mesma como se bloqueia e a encontrar o caminho para viver de uma forma mais plena e gratificante consigo mesmo e com os outros, recorrendo aos seus recursos interiores e à sua própria sabedoria organísmica, e facilitando-lhe a integração de aspectos emocionais, mentais e corporais. O terapeuta gestáltico põe o acento na tomada de consciência dos processos e desenvolve o sentido de responsabilidade de cada um.


Conheça mais sobre esta abordagem em: http://www.slepg.net/